CRÔNICAS NOVAS TODA SEXTA-FEIRA. CONFIRA!

 

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

O GAGO

O GAGO

 

A alegria do gago é ver um gago pior que ele.

Imaginem a cena: Dois gagos conversando sozinhos. É uma cena travada.

O gago geralmente é persistente, um bicho teimoso. As palavras agarram, agarram e agarram de novo e lá esta ele tentando fa-fa-fa-lar a frase inteira, mas com muito custo e suor – literalmente – conseguem chegar ao final.

Há variadas classes de gagueira.

O estágio mais complicado é o iniciante. Presenciei a cena em um restaurante da cidade.

A mãe servindo o prato do filho.

        Mã-mã-mãe, não que-queee-que-ro tanta saaa-la-la-da.

Quando ele terminou a frase, já estavam à mesa comendo. Comeu irritado.

Seguiu-se uma nova tentativa:

        Ma-mã-mãe, que-que-ro um B(...)

Meu deuso, a palavra não saia de jeito nenhum. Desistiu e tentou outra coisa, já bem irritado ( o que piora)>

        Maiêêêê (falou a todo pulmão, chegou a sorrir por não ter travado), que-que-que-ro um P(...).

Pronto! A palavra não iria sair.

Em seguida ele tentou bravamente falar da escola, dos amiguinhos. Também não deu.

O guri, já irritado, resolveu ficar calado, desistiu de falar. Iniciante.

Caridosamente, levantei e comprei um Bombom e um Picolé e entreguei a ele. 

Tem gago que é cara de pau, aqueles que fazem piadas de si mesmo.

Mas o que eu quero exaltar de fato são os gagos, raros, que sabem que gaguejar é uma arte, um desafio constante de criatividade. Aquele tipo que sabe a palavra que ira gaguejar, a situação é prevista e, se a pessoa for esperta, sempre acha um sinônimo na hora do aperto. Eu chamo de “gagueira-seletiva”.Ela é realmente seletiva.

Certa vez eu estava querendo saber o preço de um CD e o vendedor estava olhando para mim, a espera da pergunta. Para meu azar, minha gagueira selecionou não falar com o sujeito.

Fui obrigado a pedir para uma senhora perguntar o preço do bendito CD.Ele começou a rir...Triste isso, consegui explicar que não sou doido e saí sem o CD.

Certas palavras são impossíveis de dizer, como Alô!?

Uma situação fatídica: O gago-seleto precisa fazer uma ligação.

        (...) – Tentativa desesperada para dizer Alô.

        Alô?! Quem é?

        (...) – Ainda esta tentando dizer Alô.

        Você gostaria de falar com quem?

        (...) – Já desistiu do Alô, nessa altura já travou todas as palavras.

Tu-tu-tu-tu. Desligou o telefone na cara da pessoa, não por maldade, mas desistência. Tente entender o outro lado da linha – o lado gago.

Alguns minutos depois, tentou de novo, mas diferente dessa vez para não ter uma pedra no meio do caminho.

Tuuuuu-Tuuuuuu (telefone tocando). 

        Bom dia meu amor, como vai?  (fala de uma tacada só)

        Oi benzinho! Estou bem, mas acabaram de desligar o telefone na minha cara. Que falta de respeito. Fui tão educada.

        Não me diga?! Se eu soubesse quem foi, tiraria satisfação.

(É, o gago-seleto é cara de pau por conveniência).

Dizem que essas coisas têm cura, mas não passam de mero engodo da medicina, fonoaudiologia...Eu sei, já tentei, mas desistiram de mim. Caso perdido.

Então resolvi assumir esse charme como uma arte de desafio.

É respirar fundo e fa-fa-fa-lar.

 

  

Késia Câmara

22 comentários:

Késsio disse...

"A alegria do gago é ver um gago pior que ele."

Verdade pura. Por essa razão, procuro evitar encontros de pessoas que gaguejam.

Todos ficariam alegres ao me ver gaguejar. E eu, ainda mais triste.

Consolo a gente só gosta de dar quando é voluntário.

Késia Câmara disse...

rsrsrsrs...num fica assim nao...rs
sempre tem alguém pior.

Sergioooo disse...

kkk

essa é a gaguinha mais Késia q conheço...^^

bulitinhaa d+++ ela falandooo :P ahh um gravador rsrs

masssa como sempre os textins pekenina


bigg beeijooo

; ***

Paulo disse...

KéKéKéKéKéKéKéKéKésiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasiasia.....
Tetetetetetetetetete
AAAAAAAAAAAAAAmomomomomomomomomo!
Lindo...
Abração, Paulão.

Rebeca disse...

Cada dia melhor seus textoss ;D
Etá meninaa talentosaa <3

bjuss ;*

Franciane disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Franciane disse...

Karaca!!!! Antes de ler sua crônica eu tinha acabado de assistir o vídeo da "solange, a GAGA de ilhéus"......kkkkkkkkkkk
parece brincadeira!!!! assiste lá no youtube maria.....essa gagueira ganha de todas....rsrs
bjosssssssss

Fernando disse...

É isso. Estou convicto de que muita gente gostaria de ser gago (aquele grau mais ameno) depois de ler esse texto.

Recentemente fui ligar pra um colega de faculdade pra pegar uma informação. Aproveitei pra fazer uma pegadinha:
- "Alô, o sr. Rodrigo se encontra?"
- "É ele. Quem deseja?"
- "Aqui da polícia Fe-Fe-Federal..."

Pronto, acabou com a pegadinha. Resultado: O gago foi alvo de chacotas da turma toda....rs

Agora, só faço dessas brincadeiras com outro gago(A). Pelo menos se falhar o fato não será divulgado.

Parabéns, mais uma vez, pelo texto. Mais um primor da Figurinha...

Eli disse...

hehehehehe... muito engraçado este texto! Mas é verdade mesmo, isso acontece. Meu pai quando era jovem já passou por isto. Hoje é bem menos.

Tem uma pessoa aqui que não chega a gaguejar muito, mas dá cada travada quando precisa expressar algumas coisas, rsrsrsrsrs, não é mesmo, pequena? rsrsrsrsrs, tô zuando. Mas dá um toque bem pessoal no final, um toque "mais você", hehehehehe... Abraços!!!

PS: tá chegando seu dia, hein! E eu tô ligado, para executar neste dia um importante projeto...

Sérgio TKD disse...

\../

Anônimo disse...

poxaaa.... muitoooo lega-ga-gall....parabens... muito talentosa vc...achoq naum será só verissimo d importante q lerá suas cronicas.......isso é tu-tu-tu-tudo peesoal hehehehe.. vlw Késia... bjuss

Raquel disse...

Bom de-de-demais seu texto pirua!!! hehe Encare o meu "demais" como um charme!!! :P Bjocas.. continue escrevendo.. :)

Raquel Bravim S2

Bruno disse...

Oi Oi
Show a sua crônica.
Todo mundo tem uma história parecida rsrsrs
Fa-Faz um li-li-livro !!!!
Bjaum

Leo disse...

Para quem quiser ou precisar entender melhor a gagueira:

Instituto Brasileiro de Fluência (Entidade que oferece apoio e esclarecimento para pessoas que gaguejam. A seção "mídia" do site tem vídeos muito bons sobre o assunto).

25 mitos sobre gagueira (Uma lista de crendices e equívocos sobre a gagueira que fazem parte da "sabedoria", ou melhor, da ignorância popular).

Gagueira não é piada (legendado) (Depoimento do diretor da Associação Britânica de Gagueira publicado no YouTube com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre o equívoco de classificar vídeos de gagueira primariamente como comédia e também para mostrar como a piada imediatamente empalidece quando confrontada com um maior entendimento do problema).

Para entender a gagueira, médicos investigam o cérebro (Interessante reportagem sobre gagueira publicada no jornal The New York Times).

Gagueira: um fenômeno mundial (Texto muito esclarecedor sobre os motivos que levaram as causas da gagueira a serem equivocadamente atribuídas a razões socioculturais).

Uma base neurológica para a gagueira (Editorial sobre gagueira publicado numa das mais importantes revistas médicas do mundo).

Rompendo o silêncio em torno da gagueira (Reportagem sobre o médico que criou um centro de pesquisa em neurociência exclusivamente dedicado ao tratamento da gagueira na Universidade da Califórnia.)

O que causa a gagueira? (Texto que explica como exames modernos de neuroimagem estão permitindo decifrar a base neurobiológica da gagueira, um dos mais antigos mistérios médicos da humanidade).

Anônimo disse...

BOM! PODENDO MELHORAR! SE FOR CÔMICO EXPLORE UM POUCO MAIS , SÉRIO TB ACHE UM MEIO TERNO, MAS SEJA CÔMICA NO FINAL, QUANDO ESCREVER PROCURE SEMPRE VER O PONOT DE VISTA DE UMA PESSOA SIMPLES! SEJA SIMPLES NA PALAVRAS! FORA DISSO GOSTEI BJSO

Sérgio TKD disse...

e a coisa ta ficando bem técnica akee


rrsrs

Bruno disse...

Para a pessoa leu a crônica da nossa Késia e ficou chateada, veja esse vídeo que vai ficar mais tranquila ^^

http://br.youtube.com/watch?v=40JY56n-Al8&feature=related

Késia Câmara disse...

rsrs..."nossa Késia"
Mininu, vi lá o vídeo...
Que coisa nao?!rs Coitada

bjim

Karlinha disse...

Uma gaguejadinha de nada não faz mal!rs!

Patrícia disse...

Parabéns pelo texto, Kesinha.

Também gostei muito dos links postados pelo visitante Leo. Bastante úteis e informativos.

É raro encontrar informações assim sobre gagueira.

Valeu.

Catarine disse...

¬¬
Vc está esnobando minha profissão!!
A gagueira pode ser tratada sim! Com terapia fonoaudiologica! Rum!!
Aposto q vc q matava as sessões e naum fazia os exercicios em ksa! ¬¬

:P

rsrsrsrsrs...
Tirando esse detalhe.... adoro suas cronicas..
rsrsrsrs

Dean Winchester disse...

KKKK" eu sou gago mais to de boa... tenho amigos que nao liga, eles até ajuda as vezes mais tem vezes que eles ficam marolando...